Ar

Ar

      O ar é uma mistura de gases, formando uma fina camada em torno da Terra - a atmosfera -, que protege a vida ao manter a temperatura estável contra o frio externo.

       Fazem parte do ar alguns dos chamados gases do efeito estufa, ou gases estufa (GEE) - como dióxido de carbono (CO2) -, que têm a qualidade de "segurar" parte do calor do Sol refletido perto da superfície  terrestre,  permanecendo a  temperatura  do planeta em 15ºC (graus centígrados), em média, ao longo dos últimos milênios. Sem isso, a temperatura média seria  bem  mais alta, ou mais baixa  (-17ºC), o que inviabilizaria a vida no planeta.

       Os gases estufa funcionam como se fossem um cobertor que deixa passar luz solar, que na Terra se transforma parcialmente em radiação infravermelha (calor). Essa radiação não consegue  escapar de volta para o espaço, mantendo o calor no planeta. O aquecimento proporcionado por esse fenômeno é chamado efeito  estufa (ver: Efeito estufa).

 

COMPOSIÇÃO  DO  AR

Principais gases

       O  principal  é  o  nitrogênio (N2), com  três quartos  do  ar (78%)  e funciona  como suporte dos demais. É  essencial  para  a  vida:  fixado  no  solo  pela  ação  de  bactérias  e outros  microorganismos, chamados nitrificantesé absorvido  pelas   plantas  e  entra  na  composição  das  proteínas  vegetais. Retorna  ao ar com a ajuda de outras bactérias, que por isso são  apelidados de denitrificantes.

       O oxigênio é o segundo e ocupa mais de um quinto do ar (21%). Há uma troca direta de oxigênio (O2)  entre  o  ar  e  seres vivos, seja pela fotossíntese das plantas ou pela respiração.

      Os gases nobres compõem 1% da atmosfera: argônio, criptônio, hélio, e gases estufa (GEEs), como CO2, o metano (CH4), os óxidos de nitrogênio (NOx) e ozônio troposférico (O3).

       Cada um dos gases é essencial para nossa sobrevivência.

       O ozônio (O3) comporta-se como gás estufa quando na camada mais baixa da atmosfera, a troposfera (até 12 km de altitude). Mas é protetor da vida na estratosfera.

 

Vapor d'água e outros gases

       O vapor d'água também compõe o ar, mas com proporção diferente e conforme a região ou a estação do ano. Vejamos alguns exemplos:

*Nos oceanos: sobre os oceanos, a evaporação constante aumenta a umidade relativa do ar.

*Nas florestas tropicais: devido a evapotranspiração, aumenta a umidade relativa do ar.

       Na estiagem, a umidade diminui e, quando é  abaixo de 20%, equivale ao clima de deserto.

       Além dos gases, o ar sempre carrega partículas sólidas e líquidas suspensos, tais como poeira, fuligem e fumaça.

       POLUIÇÃO é toda modificação química, física ou biológica que pode causar danos ao ambiente, inclusive aos seres humanos.

       A partir da Revolução Industrial, as atividades econômicas aumentaram a emissão de poluentes na atmosfera, através dos escapamentos dos automóveis, das chaminés de indústrias, das  queimadas, na incineração  do lixo e de  outras maneiras,  que alterou o equilíbrio original da atmosfera e prejudicou a vida na Terra (seres vivos, inclusive vegetais), como:

*Monóxido de carbono: em  contato  com  o  sangue  pode  impedir  o transporte  de  oxigênio  no organismo e provoca dores de cabeça até a morte.

*Hidrocarbonetos:  causam doenças como pneumonites.

*Partículas em suspensão: facilitam moléstias cardiovasculares.

*Metais pesados (chumbo e mercúrio), radioativos, dioxinas,benzeno, amianto, entre outros: podem causar doenças mortais.

 

Classificação  dos  poluentes

*Primários: emitidos diretamente pela fonte poluidora.

*Secundários: formados a partir de reações químicas entre poluente e outros elementos da atmosfera.

       QUALIDADE DO AR é estabelecida por padrões através do Conama - Conselho Nacional do Meio Ambiente- e é inspirada em  normas  da  Organização  Mundial  de  Saúde  -  OMS.  Para  controlar a  poluição de  um  local, medem  a  presença  de  alguns poluentes, chamados de indicadores da poluição. Ressalta-se que a qualidade do ar depende da quantia de poluentes

emitidos e das condições para dispersá-los.

       Quanto mais alto, mais rarefeito é o ar, ou seja, a densidade e pressão atmosférica são menores.

Camadas da atmosfera

exosfera --------------------------- 400km

termosfera------------------------- 300km

mesosfera--------------------------   50km

estratosfera------------------------   40km

troposfera--------------------------   10km   

       A concentração de gases na atmosfera terrestre tem relação direta com a força da gravidade. Cerca de 75% dos gases se concentram  na  troposfera, local  onde  há  os  seres  vivos  e  onde  ocorrem os fenômenos  meteorológicos  (ventos  e precipitações).